Seu carrinho 0

Você Não Selecionou
Nenhum Item

Sensores

filtros

Produtos encontrados: 1145 Resultado da Pesquisa por: em 6 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 1145 Resultado da Pesquisa por: em 6 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Sensores

Os sensores são dispositivos muito utilizados hoje em dia, principalmente no quesito de segurança dos locais.  A função principal desses equipamentos é de fazer a detecção de estímulos externos e realizar a transformação em uma resposta eficaz e coerente de acordo com cada finalidade. 

Tipos e características dos sensores 

Os sensores possuem funcionalidades diferentes. Logo, a finalidade de resposta de cada um também será distinta. É o que vamos entender agora:
  • Sensor indutivo é composto pelo núcleo de ferrite, isso significa que são envolvidos por uma bobina e, também, compostos por um circuito oscilador, circuito disparador e um amplificador. 
  • O sensor fotoelétrico é composto por um transmissor de raios de luz, que emite luz quando tem a passagem da corrente elétrica. Também possui um recetor sensível à luz que permite a chegada da mesma até a base coletora da junção
  • O sensor capacitivo se assemelha ao sensor indutivo, sendo extremamente sensível à aproximação de materiais, porém o sensor capacitivo consegue detectar outros materiais além dos metálicos devido ao seu campo elétrico.
  • O sensor de segurança detecta o calor ambiente através da emissão de luzes infravermelhas não detectáveis aos olhos humanos. É possível identificar se há alguém no ambiente e a partir disso emite um alerta sonoro, chegando a central de segurança
  • Sensor Ultrassônico usa uma alta frequência de som para estabelecer a distância entre itens determinados. Utiliza energia elétrica e um transdutor cerâmico para receber e emitir energia mecânica através de ondas sonoras, semelhante ao utilizado no sonar de navios. 
  • Sensor de pressão é um dispositivo super sensível que faz a variável medição e controle dos níveis de pressão, para determinar a pressão real utilizada no sensor.  

Características e utilização dos sensores

Vamos começar pelos sensores indutivos que possuem um núcleo com campo magnético e são capazes de medir a aproximação de objetos metálicos a curta distância. Esses sensores indutivos são aplicados às funções relacionadas como captação de proximidade e detecção presença ou ausência de compostos metálicos. Já os sensores fotoelétricos são capacitados para fazer uma conversão de luz, onde existe um dispositivo receptor e o outro transmissor. Uma vez conectado a corrente elétrica (e quando houver uma barreira entre o receptor e o transmissor) ele apresentará uma manifestação luminosa.  Já o sensor fotoelétrico pode ser utilizado em vários segmentos da automação, como residencial, comercial, predial e, principalmente, industrial (no controle de processos para sistemas de segurança, máquinas e equipamentos). Com relação ao sensor capacitivo, geralmente é utilizado em grande escala para detectar níveis de capacidade máximas ou mínimas de água, minérios (alumínio, ferro, etc.) vidro, plástico, madeira, cerâmica, papelão, dentre outros.  Quando falamos em sensor de segurança, uma de suas funções é poder ser utilizado para detectar quando alguém está no ambiente.  Os sensors acendem as luzes do local para dar a impressão que existe alguém no local. Esses dispositivos geralmente são usados para corredores, garagens ou para iluminar apenas quando necessário. Sobre os sensores de sinal ultrassônico, possuem um sinal muito ágil e preciso, com a velocidade da frequência de emissão próxima de 340m/s. Esses sensores de segurança são utilizados para diversas funções, porém é mais frequente no âmbito industrial para a constatação do rompimento de fios em projetos que utilizam cabos de aço. E, por fim, os sensores de pressão, que são utilizados em vários segmentos de grande importância, como o controle de combustível e óleo, volume e vazão de água,  entre outros.  Com isso a unidade consegue identificar um defeito de pressão tanto baixo quanto alto.